X Ciclo de Seminários On-Line

BANNER SITE

 

Em 2019, mais uma vez a SBIS realiza o ciclo de seminários on-line que já está em sua 10ª edição.

As palestras são transmitidas ao vivo por webconferência. Para assistir a palestra ao vivo, basta clicar no "link para acesso on-line" presente no calendário abaixo. Você será direcionado à plataforma Webex, onde as palestras são transmitidas. Mas atenção, você só conseguirá acessar o evento, quando a transmissão for iniciada (por volta de 15 minutos antes do horário agendado).

Atenção: A ferramenta de webconferência possui um limite de 100 participantes. Garanta o seu lugar seguindo as regras a seguir:

1. Todos os interessados deverão efetuar uma pré-inscrição até às 17h00 do dia do evento pelo mesmo link de acesso à sala, clicando no link ou botão “Register” e submetendo os dados solicitados.

2. Esta pré-inscrição não garante o acesso. Somente aqueles que tiverem a inscrição aprovada, conforme os critérios abaixo, receberão o respectivo e-mail informativo e estarão liberados para o acesso à sala. Todos os demais interessados, pré-inscritos ou não, infelizmente não terão acesso devido à limitação acima citada.

3. As aprovações obedecerão à seguinte ordem de prioridade:

a) Profissionais cpTICS (com certificado ativo);
b) Membros Titulares da SBIS;
c) Membros Associados da SBIS;
d) Demais pré-inscritos.

3.1. Os profissionais cpTICS e os membros (sócios) da SBIS devem estar com suas anuidades quitadas até 2018, ou terem pago a anuidade de 2019 caso tenham se associado neste ano, sendo válidas as associações e quitações realizadas até as 17h00 do dia do evento. O pagamento das anuidades, assim como as novas associações, podem ser efetuados online na página www.sbis.org.br/associados.

3.2. Dentro de cada nível de prioridade, as aprovações seguirão a ordem cronológica das pré-inscrições, até a ocupação total da sala.

4. A sala será aberta às 19h15 do dia evento, sendo as vagas asseguradas para entrada até as 19h45. Após este horário, as vagas ainda não ocupadas serão liberadas aos demais pré-inscritos dentro da ordem de prioridade acima, como em uma fila de espera.

 

Não pôde assistir à alguma das palestras ao vivo? Não se preocupe. As palestras são gravadas e disponibilizadas para os sócios da SBIS no Ambiente de Aprendizagem Virtual (AVA) da Diretoria de Educação. Se você ainda não é sócio da SBIS, clique aqui para tornar-se um.

 

Instruções para uso da Ferramenta Webex: Recomendamos fortemente que acesse o link de acesso ao webinar por meio de um desktop ou notebook utilizando o navegador Google Chrome. O acesso por meio de tablets ou smartphones ou utilizando outros navegadores pode apresentar erros de áudio e vídeo.

Após obter acesso à sala do webinar, caso esteja apresentando problemas de áudio, acesse no menu superior esquerdo: Communicate >> Integrated voice conferece >> Join Conference.

 

Calendário:


A digitalização de documentos em organizações de saúde e a Lei 13.787/18: cenários, práticas e certificação

 

Data: 04/02/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrantes:

Prof.Dr. Renato M.E. Sabbatini, PhD, FIAHSI. CPHIMS (CEO, Instituto Edumed)
Dra. Patrícia Peck, PhD (Head de Direito Digital do PG advogados)
Dr. Luiz Gustavo Kiatake, MSc (Presidente da SBIS)

 

Resumo da palestra: 

Recentemente, o Governo Federal promulgou a Lei 13.787, de 27 de dezembro de 2018, que, entre outras coisas, viabiliza a digitalização de documentos na área de saúde (escaneamento) e as regras de descarte dos documentos originais. Essa lei corrige o veto anterior à Lei 12.682/12, em seu Parágrafo 7, que fixava a equivalência jurídica entre documentos originais e digitalizados, mas que não permitia o descarte.  Com isso, abre-se uma enorme oportunidade para o progresso dos chamados sistemas GED (Gerenciamento Eletrônico de Documentos), e a eliminação quase total dos famigerados arquivos de legado em papel e filme do SAME (Serviço de Arquivo Médico e Estatística), com seus custos e dificuldades bem conhecidos. A Lei determina que para alcançar essa equivalência os documentos digitalizados devem ser assinados digitalmente com certificados digitais no padrão ICP Brasil (Infraestrutura de Chaves Públicas) e nenhum outro. O conceito moderno de PEP inclui necessariamente o GED integrado com um single logon e acesso via chave primária de identificação do paciente, mas ainda poucos fornecedores de soluções implementaram esse conceito ou têm produtos integrados PEP/GED. Nesta palestra analisaremos os possíveis cenários e práticas de implementação e operação consagrados nas mais modernas tecnologias de informática em saúde, a utilização dos certificados digitais, bem como a certificação de S-GEDs pela SBIS, que já tem requisitos para assinatura digital do GED, mas que poderá ser estendida para abranger também o fluxo de trabalho do GED, já que a Lei menciona essa possibilidade de certificação, que certamente será regulamentada. Serão discutidos também os aspectos e os impactos jurídicos e legais referentes à Lei para as organizações prestadoras e operadoras de serviços de saúde, e sua possível regulamentação.

 

Mini-currículo dos palestrantes: 

sabbatiniProf. Dr. Renato M.E. Sabbatini
É um dos maiores e mais respeitados especialistas em tecnologias de informação em saúde, estando ativo como pesquisador, professor e consultor há quase 50 anos nessa área. Foi professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, e depois fundador e diretor do Núcleo de Informática Biomédica, e coordenador da Área de Informática Médica e Bioestatística da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas. Foi um dos fundadores e presidente da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) e um dos fundadores e vice-presidente do Instituto HL7 Brasil, e é Founding Fellow da International Academy of Health Sciences Informatics. Atualmente é professor adjunto e coordenador da área de informática em saúde e telessaúde da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, e fundador e presidente do Instituto Edumed. Entre seus campos de interesse está a segurança da informação em saúde, e é auditor líder certificado ISO-27.001 e vice relator do grupo GT4 de Segurança de Informação em Saúde da ABNT. Atua como consultor de certificação de sistemas de registro eletrônico de saúde e coordenador do Programa EduCert de educação e capacitação em certificação. É CEO da Sabbatini Consulting e da Webpraxis International. Home page: http://www,renato.sabbatini.com

  

 

patriciaDra. Patrícia Peck
Graduada em Direito pela Universidade de São Paulo, advogada especialista em Direito Digital, doutora pela Universidade de São Paulo, PhD em Direito Internacional e Propriedade Intelectual, pesquisadora convidada do Instituto Max Planck de Hamburgo e Munique e da Universidade de Columbia nos EUA. Professora convidada da Universidade de Coimbra em Portugal e da Universidade Central do Chile. Professora convidada de Cyber Segurança da Escola de Inteligência do Exército Brasileiro. Programadora desde os 13 anos, autodidata em Basic, Cobol, C++, Html. Advogada Mais Admirada em Propriedade Intelectual por 10 anos consecutivos de 2008 à 2018. Recebeu o prêmio Security Leaders em 2012 e 2015, a Nata dos Profissionais de Segurança da Informação em 2006 e 2008, o prêmio Excelência Acadêmica – Melhor Docente da Faculdade FIT Impacta em 2009 e 2010. Condecorada com 4 medalhas militares, sendo a Medalha da Ordem do Mérito da Justiça Militar em 2017, com a Medalha do Pacificador pelo Exército em 2009, Medalha Tamandaré pela Marinha em 2011, Medalha Ordem do Mérito Militar pelo Exército em 2012. Árbitra do Conselho Arbitral do Estado de São Paulo – CAESP, Vice-Presidente Jurídica da Associação Brasileira dos Profissionais e Empresas de Segurança da Informação – ASEGI e membro do Conselho de Ética da ABED. Professora e coordenadora da pós-graduação em Gestão da Inovação e Direito Digital da FIA. Autora de 22 livros de Direito Digital. Sócia Head de Direito Digital do escritório PG Advogados, sócia da empresa de educação Peck Sleiman Edu e Presidente do Instituto iStart de Ética Digital.

 

 

KiaLuís Gustavo Kiatake
É entusiasta do uso da tecnologia na saúde. Graduado e mestre em Engenharia Elétrica pela Escola Politécnica da USP, foi professor na pós-graduação em Segurança da Informação do IPT, SENAC, Uniemp e Unifesp. É sócio-fundador da E-VAL Tecnologia e Saúde. Colaborador da ISO e membro da ABNT nos comitês de Segurança da Informação e de Informática em Saúde, da qual foi relator do Grupo de Segurança. É membro do HL7Brasil, IHE. Na Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) é colaborador no processo de Certificação de Software SBIS/CFM, representante no Comitê de Padronização do TISS (COPISS) da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), e presidente na gestão 2019/2020.

 

 

 

Link para acesso on-line: clique aqui. Caso a ferramenta solicite uma senha, informe ciclo2019.


 

O papel do Diretor de Informática Médica nos hospitais: o que faz o CMIO?

 

Data: 20/03/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrantes:

Dr. Leandro Miranda (CMIO, Hospital Nove de Julho)
Dra. Paula Calderon (CMIO, Hospital São Camilo)
Dr. Vladimir Pizzo, MSc (CMIO, Hospital Sírio-Libanês)

 

Resumo da palestra:

Nessa palestra, o Dr Leandro vai falar sobre suas experiências como médico na TI hospitalar, como levar o negócio para as áreas de apoio como a TI, o que pode e precisa ser feito para melhorar o dia a dia de quem está assitência.

O Dr Vladimir vai falar sobre seu envolvimento em projetos de Informática em Saúde no hospital Sírio Libanês: projeto de atualização tecnológica do ERP, monitoramento de acessos potencialmente indevidos e projeto de formação de recursos humanos – digiSUS.

 

Mini-Currículo dos palestrantes: 

LeandroDr. Leandro Miranda

Formado em Medicina pela FMUSP em 2007 com Residencia de Clinica Medica e Medicina Intensiva pelo HC-FMUSP.
Tem título de Medico Intensivista pela AMIB e Informata em Saude (CpTICs) pela SBIS
Atualmente: Gerente Medico de Infomartica em Saude no Hospital 9 de Julho; Consultor Médico na Folks; Médico intensivista Hosp. 9 de Julho.

 

 

  

 

 

PaulaDra. Paula Calderon

Médica especialista em nefrologia e clínica médica com MBA executivo pelo INSPER e MBA de Gestão e Economia em saúde pela UNIFESP. Formação Lean Six Sigma (Lean Belt). Atua em tecnologia de informação em saúde e gestão de dados. Tem experiência em implantação de prontuário eletrônico em hospitais e unidades de pronto atendimento, gestão da mudança com foco em monitorar e mitigar riscos e impactos de implantação de sistemas de informação em saúde, gestão de unidades de pronto atendimento e gestão de equipe. 

 

 

foto vladimirDr. Vladimir Pizzo.

Vladimir é médico, graduado em 2000 pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Tem residência médica e título de especialista em Clínica Médica e Medicina Intensiva e é especialista em Informática em Saúde pelo Instituto de Ensino e Pesquisa Sírio Libanês. É portador de certificação profissional em Tecnologia da Informação e Comunicação em Saúde – cpTICS, membro titular da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) e gerente de Informática Clínica junto à Diretoria de Tecnologia da Informação do hospital Sírio Libanês.

 

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


A experiência do Hospital Israelita Albert Einstein na implantação do sistema Cerner Millennium

 

Data: 15/04/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante:

Dra. Valéria Pinheiro de Souza (Hospital Israelita Albert Einstein)

 

Resumo da palestra:

Nesse webinar, a Dra Valéria Pinheiro de Souza (Gerente de Informática Médica no HIAE) vai falar sobre a experiência do Hospital Israelita Albert Einstein na implantação do Prontuário Eletrônico Cerner Millennium.

 

Mini-Currículo da palestrante:

 

valeria

Formado em Medicina pela Universidade Estadual do Pará. Grande experiência em implementações de sistemas de informação em saúde, gestão de mudança. Gerente médica responsável pela Implementação Do Sistema Cerner Millenium no Hospital Albert Einstein Professora colaboradora da disciplina de Informática em Saúde da Faculdade de Medicina do Hospital Albert Einstein Responsável pela área de transformação digital do Curso de Pós Graduação de Gestão de projetos do Einstein.

 

 

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


IoT - Soluções em saúde

 

Data: 13/05/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante:

Bruno Souza de Oliveira

 

Resumo da palestra:

Estamos em meio a quarta revolução industrial, onde, por exemplo, 90% dos dados que existem no mundo hoje foram armazenados nos últimos 2 anos! Temos uma expectativa exponencial de crescimento de dispositivos IoT nos próximos anos, chegando há mais de 6 vezes o número da população global. Como estamos nos preparando para isto do ponto de vista de saúde? Quais soluções já estão sendo utilizadas? Como efetivamente a IoT pode contribuir para um melhor ecossistema de saúde? Temos muitas mudanças vindo por ai.

 

Mini-Currículo da palestrante:

Foto Bruno

Engenheiro de Computação, Pós-Graduado em Gerenciamento de Projetos com Ênfase em Tecnologia da Informação, MBA em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação, Especialista em Informática em Saúde e Mestrando em Gestão, Informática em Saúde. Autor do livro Métodos Ágeis e Gestão de Serviços de TI, possui as certificações ligadas aos temas de gestão de projetos, informática em saúde (CPTICS) e gestão de serviços de TIC. Já coleciona alguns anos de experiência trabalhando com projetos de tecnologia da informação na área de saúde, tendo passado por áreas de desenvolvimento, implantação, operação e processos. Nesta trajetória, implementou boas práticas de gestão e liderou grandes equipes, utilizando metodologias como eXtreme Programming (XP), Scrum, Kanban, Lean, PMBOK e ITIL®. Fundador das empresas iHealth Group e Medipreço com foco na área de informática em saúde.

 

 

 

  

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


Implementações de assinatura digital em PEP

 

Data: 26/06/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante:

Marcelo Carvalho

 

Resumo da palestra:

Em breve.

 

Mini-Currículo da palestrante:

 

marcelo

Marcelo Carvalho, CISSP, CISA, CRISC, tem 15 anos de experiência em segurança da informação e atualmente é auditor de segurança de informação e professor de IT / IS em várias universidades.

 

 

 

 

 

 

 

 Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


Planos de Contingência e Segurança do prontuário no Hospital Israelita Albert Einstein.

 

Data: 22/07/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante: Camila Diniz

 

Resumo da palestra:

Nesse webinar, Camila Diniz (Coordenadora de Tecnologia da Informação em Saúde no HIAE) vai falar sobre a experiência do Hospital Israelita Albert Einstein em situações de contingência e indisponibilidade de sistemas clínicos.

 

Mini-Currículo da palestrante:

Camila

Sólida experiência em tecnologia da informação em saúde como líder de atividades relacionadas ao levantamento de processos hospitalares, descrição e análise de fluxos direcionados a transformação digital, desenvolvimento e implantação de soluções de tecnologia, prontuários eletrônicos e sistemas de gestão com foco na melhoria continua de processos clínico-hospitalares que envolvam equipes médicas, de enfermagem, multiprofissionais e áreas de apoio. Nutricionista Clínica formada em 2004 com atuação hospitalar. Especializações em Project Management and Business na Staffort House International, Informática em saúde no Instituto Edumed, Planejamento e Gerência de Projetos com Ênfase no PMI na Impacta.

 

 

 

 Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


IHE e os desafios da interoperabilidade na saúde

 

Data: 12/08/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante: Rodrigo Gaete

 

Resumo da palestra:

A palestra abordará os conceitos que definem o escopo de trabalho do IHE como instituição articuladora de padrões de interoperabilidade em saúde, bem como o contexto atual de utilização dos Perfis IHE no Brasil e no Mundo.

 

Mini-Currículo da palestrante:

gaete

User co-chair do IHE Brasil. Consultor de Informática em Saúde, trabalhando com Prontuário Eletrônico e Interoperabilidade de Sistemas de Saúde. Doutorando em Enfermagem em Saúde Pública pela EERP/USP. Graduação e Mestrado em Ciência da Computação. Atuou como consultor no Projeto e-SUS Atenção Básica no Ministério da Saúde (SAS/DAB). É membro do Grupo de Altos Estudos de Avaliação de processos e práticas da APS e Enfermagem – GAAPS na USP e do Grupo de Arquitetura, Frameworks e Modelos da CEE-78/ABNT (ISO TC 215 – Health Informatics).

 

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


Farmácia e Medicamentos na Saúde Digital

 

Data: 17/09/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrantes: Eugênio Neves e Louise Lira Pavini

 

Resumo da palestra:

A efetividade e segurança no uso dos medicamentos é uma preocupação universal. A OMS tem um objetivo estratégico de reduzir em 50% os eventos adversos causados por medicamentos até 2022. Este é um desafio de imensas proporções e precisa ser enfrentado usando as melhores práticas conhecidas e contando com a cooperação internacional. Esta palestra irá explorar o campo de farmácia e medicamentos como elemento fundacional de qualquer política nacional de saúde digital que se pretenda consequente. Serão explorados diferentes aspectos envolvidos no ciclo de vida dos medicamentos: desenvolvimento, registro, monitoramento de mercado, uso clínico e ciclo logístico. Serão desenvolvidos temas relacionados aos aspectos regulatórios dos medicamentos bem como a necessidade de (1) definir, implementar, manter e dar acesso a um Dicionário Nacional de Medicamentos; (2) definir, implantar e garantir a uniformidade da comunicação entre os atores da assistência à saúde em prol da efetividade das terapêuticas e da segurança dos pacientes. Serão identificadas e apresentadas as iniciativas internacionais mais importantes para a identificação de produtos medicinais, de monitoramento da segurança dos pacientes, de identificação logística de produtos e de registro eletrônico das ações de gestão farmacoterapêutica.

 

Mini-Currículo dos palestrantes:

 

eugenio

Farmacêutico pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS (1989). Mestre em Ciências Farmacêuticas pela UFRGS (1995). Doutor em Farmácia pela Universitat de Valencia - Espanha (1999). MBA em Governança da Tecnologia da Informação pela Universidade Federal de Lavras (2010). Coordenador do Grupo de Trabalho Interinstitucional responsável pela pauta de Transformação Digital da Farmácia do Conselho Federal de Farmácia (2019). Consultor sênior do Hospital Sírio Libanês no Projeto PROADI/ANVISA - Terminologias de Medicamentos (2018-2020). Membro do IDMP Implementation Experts Advisory Group do Technical Committee 215 – Health Informatics da ISO e relator do GT6 – Farmácia e Medicamentos da Comissão Especial de Estudos de Informática em Saúde (CEE78-IS) da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Responsável pela concepção, desenvolvimento, suporte e operação do Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados (SNGPC) da Anvisa (2007). Gerente de Sistemas de Informação da ANVISA (2008-2010) conduzindo o desenvolvimento de sistemas baseados em Processos de Negócio (BPM) e Arquiteturas Orientadas a Serviços (SOA) para as áreas de medicamentos e cosméticos. Assessor de Tecnologia da Informação da Gerência Geral de Tecnologia da Informação (GGTIN) da ANVISA, liderando projetos de reorganização da área para a adoção de padrões de governança e da implantação do primeiro Plano Diretor de Tecnologia da Informação - PDTI 2008-2010 da Anvisa. Coordenador do Núcleo de Qualidade da Informação em Medicamentos – NUQIM/ANVISA responsável pelos projetos de Bulário Eletrônico - Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Bulas,  Vocabulários Controlados para o Registro de Medicamentos - Módulo Formas Farmacêuticas, entre outros. Professor do Curso de Farmácia da Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL) (2001-2004);

 

 

Louise

Farmacêutica graduada pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) em 2012, especialista no Cuidado ao Paciente Crítico pelo Programa de Residência Multiprofissional do Hospital Sírio-Libanês, concluído em 2015. Após quatro anos de vivência com farmácia clínica e processos hospitalares, passou a atuar em projetos de tecnologia da informação na área da saúde, em parceria com órgãos governamentais, mais especificamente com padrões internacionais de identificação de medicamentos, com o objetivo de contribuir com a segurança da cadeia medicamentosa. Atualmente, é pós-graduanda do Programa de Mestrado em Gestão e Informática em Saúde da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


Ensino da Saúde Digital no Brasil

 

Data: 29/10/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante: Luiz Roberto de Oliveira

 

Resumo da palestra:

O uso das Tecnologias Digitais da Informação e das Comunicações (TDIC) na área da saúde busca atingir três objetivos principais: melhoria na qualidade da atenção, expandir o acesso aos cuidados e racionalizar gastos buscando redução de custos. Os profissionais envolvidos com Saúde Digital precisam receber formação para que essas finalidades possam ser alcançadas. No Brasil, infelizmente, o esforço da Educação em Saúde Digital tem sido relegada quase ao total esquecimento, condição a ser superada como responsabilidade de diversas áreas e atores interessados, em amplo esforço convergente e cooperativo. Esse webinar abordará os principais desafios para o ensino e formação de recursos humanos em saúde digital no Brasil, bem como as principais iniciativas pontuais já existentes.

 

Mini-Currículo dos palestrantes:

 

LuizRoberto2

Médico formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC - 1976). Especialista em Cirurgia de Cabeça e Pescoço, com Residência no Instituto Nacional de Câncer (INCa/RJ) e Especialização pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ). Especialista em Educação para as Profissões da Área Saúde (FAMER Brasil, 2009). Especialista em Informática em Saúde pela UNIFESP, 2019). Mestre e Doutor em Medicina, pela Universidade Federal Fluminense (UFF/RJ) e pela Universidade Estadual Paulista (UNESP/SP), respectivamente. Professor Associado IV do Departamento de Cirurgia da UFC. Coordenador do Núcleo de Tecnologias e Educação a distância em Saúde da UFC (NUTEDS/UFC). Editor Chefe da Revista de Saúde Digital e Tecnologias Educacionais. Coordena o Núcleo Técnico Científico do Programa Nacional de Telessaúde (Telessaúde Brasil Redes) e da Universidade Aberta do SUS. Coordenador da Câmara Técnica de Informática em Saúde do Conselho Regional de Medicina.

 

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.


E-Health e segurança do paciente: o uso da tecnologia na melhoria da segurança do paciente

 

Data: 11/11/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante: Daênnye Bezerra

 

Resumo da palestra:

Em breve.

 

Mini-Currículo do palestrante:

daennye 2

 

Enfermeira especialista em Informática em Saúde pela UNIFESP e em Auditoria de contas médicas. Com quase 10 anos de experiência na área. Atualmente ocupa função de Gerente de Produto da área Assistencial da MV, atuando diretamente na construção do Prontuário eletrônico da empresa levando-o a receber o prêmio Best in Klass por 4 anos consecutivos de melhor prontuário da América Latina e Assume a missão de apoiar as instituições de Saúde na implantação de um novo conceito que coloque o paciente no centro do cuidado e a tecnologia como principal aliada nesse processo, contribuindo com as transformações causadas pela TI na área Clínico-assistencial.

 

 

 

 

 

 

 

 

Link para inscrições e acesso on-line: clique aqui.

 


Tecnologias aplicadas na Auditoria em Saúde relacionada a hospitais e operadoras de saúde

 

Data: 16/12/2019

 

Horário: 20:00 às 21:30 (horário de Brasília)

 

Palestrante: Luciane Mandia

 

Resumo da palestra:

 

Nesta palestra a professora Luciane Mandia vai abordar o que está sendo usado na área , o que é promissor e o que ainda precisa ser aprimorado. Sobre a importância de escolher a tecnologia adequada ao momento e processo da empresa. Questões de usabilidade e segurança da informação.

 

Mini-Currículo do palestrante:

 

LucianeMandia

Fundadora da LRMG Realidade em Auditoria, empresa especializada em consultoria e treinamento na área de Auditoria em Saúde  e do Congresso Brasileiro OPME/DMI para auditores. Idealizadora do Fórum Vamos transformar a Auditoria em Saúde : relação com as novas tecnologias que já vai para a 3 edição com o objetivo de reunir profissionais da tecnologia, auditores e gestores de prestadores e operadoras de saúde. Criadora do movimento : "Eu faço parte do futuro da Auditoria em Saúde" como uma forma de fazer com que os auditores se aprimorem na área e busquem transformar suas atividades com a aplicação de tecnologias. Mestre em Gestão e Informática em Saúde pela Unifesp. MBA em Health Tech pela FIAP. Especialista em Auditoria em Enfermagem e Administração Hospitalar.  Atuou como enfermeira Auditora na Saúde Suplementar por 17 anos em 3 operadoras e 2 prestadores de saúde. Professora convidada em cursos de pós-graduação em Auditoria em Saúde. Autora de publicações na área de tecnologia aplicada à auditoria em saúde. Membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) gestão 2019-2020.

 

 

 

 

Link para acesso on-line: clique aqui.